BM-RS Primeira cirurgia robótica do Hospital da Brigada Militar de Porto Alegre

A primeira cirurgia robótica do Hospital da Brigada Militar de Porto Alegre foi realizada nesta semana (terça-feira, 09/11), alguns meses depois da aquisição do primeiro sistema robótico pela instituição de saúde. O paciente de 49 anos, um sargento da Brigada Militar, foi submetido à cirurgia de nefrectomia parcial robótica, na qual foi retirado apenas o tumor, sendo preservado o restante do rim saudável.



O procedimento foi considerado um sucesso pela equipe médica. O paciente passa bem e estava em condições de receber alta 15 horas após o procedimento, o que não acontece quando é feita a cirurgia tradicional, que exige a internação do paciente duramente pelo menos três dias.


O diferencial da cirurgia robótica não está apenas no robô utilizado, mas também em toda a infraestrutura e capacitação de médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem para que os procedimentos tenham resultados altamente positivos.


“Nós realizamos a cirurgia robótica com toda a tecnologia possível atualmente, ou seja, estamos oferecendo o que existe de melhor em nosso serviço. A cirurgia transcorreu muito bem. A estrutura montada dentro do hospital da BM nos permite realizar cirurgias de alta qualidade, de forma rápida, segura, eficiente, com diminuição dos riscos para o paciente. A equipe de enfermeiros e técnicos de enfermagem foi incansável para que o procedimento ocorresse muito bem”, ressaltou o major Renan Desimon Cabral, médico urologista.


O major Renan ainda parabenizou o Governo do Estado, o Comando-Geral da Brigada Militar, o Departamento de Saúde da Corporação e a Direção do Hospital da Brigada Militar pelo empenho na aquisição do equipamento, a fim de oferecer aos militares estaduais e seus familiares, aos servidores públicos estaduais e beneficiários do IPERGS o que existe de mais moderno e avançado em tecnologia de cirurgia minimamente invasiva.


Fonte: Comunicação Social da Brigada Militar.