Polícia Militar do Acre inicia Curso de Formação de Soldados 2021

Atualizado: Set 15

Com o objetivo de reforçar o seu efetivo, que atua diariamente na preservação da ordem e da segurança do cidadão em todo o Estado, a Polícia Militar do Acre (PMAC) iniciou nesta quarta-feira, 1º de setembro, o Curso de Formação de Soldados 2021 (CFSd 2021), que contemplará 198 novos policiais militares, e terá duração de nove meses, com carga horária prevista de 2.115 horas/aula.


Estiveram presentes na solenidade de abertura o governador do Estado, Gladson Cameli, o comandante-geral da PMAC, Coronel Paulo César Gomes da Silva, acompanhado do subcomandante geral, Coronel Luciano Fonseca, diretores, chefes de divisões e comandantes de unidades, além do comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Acre (CBMAC), Coronel Carlos Batista da Costa e outras autoridades do estado. A deputada federal Jéssica Sales e o deputado estadual Cadmiel Bonfim também prestigiaram o evento.


Em seu discurso de abertura da aula inaugural, o governador do Estado falou do esforço dos futuros policiais pela tão aguardada convocação. “Quantas vezes eu recebi esses jovens em meu gabinete e percebia no olhar deles o sentimento de querer ajudar o nosso estado. O meu desejo era chamar todos de uma só vez, mas temos leis e responsabilidades a cumprir. Graças a Deus, demos mais um importante avanço com o início desse curso e tenho certeza que mais notícias boas serão anunciadas em breve”, destacou Gladson Cameli.


Para o comandante-geral, Coronel Paulo César, que já atuou como coordenador da maior turma de soldados da PMAC, nos anos de 2009/2010, é um momento de satisfação promover a formação de mais uma turma de soldados. O coronel agradeceu ao governador do Estado pela convocação dos novos profissionais, e aproveitou para motivar os alunos. “Vocês terão muitos momentos bons, alguns ruins, mas ao final do curso serão moldados profissionais de excelência. Aprenderão a se adaptar, passar por serviços cansativos, noites mau dormidas e rotinas estressantes, mas a formação que terão aqui vai prepará-los para atuar à altura da sociedade acreana”, pontuou.


A aluna-soldado Kamila Barbosa de Souza, de 23 anos, falou da emoção de entrar para a PMAC e seguir os passos do pai, também militar da corporação. “Estou muito emocionada, esse momento foi muito aguardado por mim e pelos meus colegas. Podem ter certeza que a sociedade vai ter em mim uma policial exemplar, que vai dar o melhor de si para servir esse Estado, assim como meu pai fez e faz todos os dias”, afirmou Kamyla.


O aluno-soldado Silvestre Barbosa Ferreira, de 30 anos, também tem o mesmo sentimento. Ele já foi policial militar no vizinho estado de Rondônia, mas seu sonho era atuar no Acre, estado em que nasceu e onde reside sua família. “Só tenho gratidão por hoje poder retornar ao meu Estado e seguir o meu sonho. Esse momento, para todos nós aqui neste auditório, é resultado de muita abdicação, dos lazeres, de momentos com a família, de noites mau dormidas se preparando. Gratidão, só isso”, finalizou o aluno.


Os novos integrantes da corporação passarão por uma intensa e rigorosa formação profissional, com disciplinas divididas entre atividades teóricas e práticas, voltadas para a segurança pública e adaptabilidade ao meio militar. Após a formação, realizada por instrutores qualificados nas áreas específicas de atuação, como armamento e munição, diversas áreas do direito e modalidades de policiamento, bem como de período de estágio, os novos profissionais estarão aptos a atuarem na atividade policial.


Fonte: Comunicação Social PMAC.


Atualizado em 14/09 às 21h11.